25/03/2013

Treine Sua Memória


Há algumas semanas recebi um convite para um contrato de trabalho. Apresentei-me, conversamos... até que meu contratante disse: “Eu conheço você. Pegamos o carro de S. Fulano juntos.” EITA!!! (Barulhos de vidros quebrando) Ainda tive a felicidade de ele não ter dito: “Lembra de mim?” Aí sim eu seria demitida antes de ser contratada. (Risos.)
 
Mas, por que esquecemos? 

O esquecimento é um valioso recurso de autolimpeza do cérebro. É assim que ele deleta informações antigas e abre espaço para novas.

Felizmente, independente da idade, podemos exercitar nossa memória e deixá-la mais afiada. Como?

1    Exercite seu cérebro por aprender novas habilidades; pode ser um idioma, um instrumento musical ou uma nova técnica de artesanato. A leitura é um excelente exercício. Palavras cruzadas, caça-palavras e sudoku também são estimulantes.

2    Envolva-se. Você é do tipo que não lembra o que comeu ontem? Mas, lembra daquele almoço delicioso na praia, ao lado de quem você gosta, no verão do ano passado? Pois é, isso acontece porque emoções estavam envolvidas. Seu cérebro reterá muito mais informações se estudar algo porque realmente gosta. Assim, pense porquê aquelas informações, numa aula por exemplo, são importantes para você.

3  Atenção. Boa parte do esquecimento se deve à falta de atenção. Em alguns casos, fazer anotações breves ajuda a manter a atenção e concentração.

4  Verbalize. Você abre a geladeira e pensa: “O que era mesmo que eu queria?” Para evitar situações assim, verbalize. Ao falar você se obriga a prestar mais atenção e estimula conexões cerebrais.

5   Retenha a informação. Já ouviu dizer que “a repetição é a mãe da retenção”? Assim, se aprendeu algo novo, repita por ensinar a alguém. 

Naturalmente há muitas outras maneiras de cuidarmos da nossa memória; isso inclui manter-se hidratado, descansar o suficiente e evitar excessos com álcool. Se tiver problemas maiores, consulte um médico.

No mais, lembre-se de ser feliz. E não esqueça de deixar um comentário. Saúde!